Mega tabuleiro de 4 metros dá as boas vindas no nó de Alviobeira da A13

0

Em 2015 a Junta da União de Freguesias de Casais/Alviobeira a partir de uma ideia de quem percebe alguma coisa de marketing promocional , montou dois tabuleiros um na rotunda da A13 ( nó de Alviobeira) e outro na Rotunda da Artom ( ou seja no principio e fim da freguesia) dois tabuleiros naturais a anunciar a festa Grande tomarense. Nesta próxima festa e já a poucos dias, o desafio lançado pela Junta ao Rancho de Alviobeira, traduziu-se em que um dos seus membros o Manuel Rodrigues ( Manel da Caseira) moldasse em betão um super tabuleiro, com 4 metros de altura, mais de 300 Kg de peso ( para evitar o roubo ou derrube pelo vento) com os 30 “pães” em cimento moldados e colocado na rotunda num trabalho de camião grua, oferta de outro grande amigo e  membro do rancho ( Manuel de Sousa) pois só assim se conseguia descarregar esta obra de arte, montar, trabalho esse a que encarregou os seus funcionários, como o Rui e Ricardo Brito e depois o rancho enfeitou com flores gigantes em plástico. Um trabalho de parceria, que ornamentou a rotunda ( concessionada à ASCENDI que esperemos que veja o tabuleiro como arte urbana e que dignifica a mesma e não publicidade comercial que só licenciada por eles mesmos) e em que o Arlindo de Oliveira ofereceu materiais de Construção, o Jaime pintor dos Calvinos a tinta. As partilhas e cometários no face já atingem milhares, a “corrida” a ver ao vivo o tabuleiro tem sido uma constante e desta forma simples e imaginativa se promove a Festa, se mostra a quem passa –  e aqui é a confluência da “variante da EN 238 de Ferreira do Zêzere” que entrámos na primeira freguesia a Norte do concelho de Tomar que por sinal, leva por direito próprio, dado ter o Culto do Espirito Santo instituído há mais de 150 anos, tabuleiros nas suas festas de Ceras e de Alviobeira.

A promoção de eventos e marcas junto das auto estradas ou estradas nacionais foi um marketing que Carranca Redondo, proprietário e fundador do Licor Beirão instituiu nos anos 50. Isso levou-o a sentar-se no banco dos réus várias vezes e a jurisprudência veio a confirmar que a publicidade não distrai os condutores, antes leva-os a abrandar para ler a mensagem, quando é bem feita.

Hoje as bermas das vias rápidas rendem milhares em suportes gigantes de publicidade e há empresas que alugam o espaço.

Por exemplo a Câmara de Tomar e bem, mandou colocar (se bem que em localização pouco visível) painéis de publicidade na A1 junto a Santarém e na A23 perto de Abrantes anunciando a festa e onde vai anunciar outros eventos. O seu custo é na ordem dos milhares de euros.

Na rotundas da Estrada Nacional 110 em Asseiceira e aqui nesta o tabuleiro deveria ser uma “marca presente” sempre!

Estamos a entrar na “pátria dos tabuleiros”- essa era a mensagem implícita!

Quem não se lembra do tabuleiro da nossa festa no Rio Nabão com o seus cisnes deitando água e iluminado e o tabuleiro da Rotunda da “Fonte cibernética” que custou milhares aos tomarenses?

O que nos diz as bonecas em aço cortem ferrugentas na rotunda?

Desta vez de parabéns o Rancho de Alviobeira e todos os parceiros desta obra de arte!

Sim que é uma obra de arte que ali está, feita por um homem simples do povo que colocou a sua criatividade, a partir dos “arquitectos da Escola de Artistas” que funciona no seio do Rancho na Escola de Alviobeira. Claro a junta também pagou parte dos materiais usados. Falta agora iluminar o mesmo, para  à noite e então como diz o Fernando Mendes –  ser um Espetáculo!

Viva a Festa dos Tabuleiros no seu todo e num concelho uno!

In: António Freitas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here