Contos do bestiário português em Ferreira do Zêzere

0
Este sábado a iniciativa “Caminhos da Pedra” da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo e Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere trouxeram personagens do bestiário português.

Nuno Matos Valente pegou na oralidade do imaginário do bestiário português e enclausurou-o num livro para que não se perdesse no folhear do tempo. Mas como criaturas assim não são para estar presas, Joana Bértholo juntou as letras num caldeirão, adicionou-lhes água na dose certa e, sob orientação de Ana Lúcia Palminha, fez uma poção mágica que devolveu vários daqueles monstros à vida. E agora, o bestiário vai andar a vaguear à solta em Constância e Mação, com o objetivo de alterar a perspetiva que se tem de figuras como o homem do saco ou o benzilhão que de todos os males nos cura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here