Domingo

0

Neste Domingo, o Evangelho de S. Marcos apresenta-nos duas parábolas de Jesus, inspiradas na vida do campo e ambas destinadas a fazer-nos compreender a dinâmica do Reino de Deus. A primeira parábola, apresenta-nos a sementeira, o crescimento da semente e a colheita dos frutos produzidos pela planta nascida de uma semente. Nesta parábola Jesus sublinha a força irresilível da semente, que, com os sabemos, significa a Palavra de Deus. Percebemos que a palavra é por si mesma vida e eficaz e que a sua vitalidade não depende da habilidade do semeador, mas da liberdade dos corações que a acolhem representados na terra lavrada.

Senhor, que saibamos esperar pelo tempo em que a Tua palavra frutificará. Sabemos que o avanço do teu reino não se mede nem se avalia por números e estatísticas. Ele pode ser uma pequena semente que cresce escondida no coração humano. Por isso acreditamos que o teu reio está próximo está a germinar e a crescer no coração da humanidade. Faz-nos compreender que a cada um de nós só compete semear, testemunhar e aguardar com esperança que nasça e cresça a tua seara.
Bom dia!

D. Francisco Serna Coelho
In: Rádio Renascença


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here